Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens com o rótulo Luterano

Luterano, Luterana significado, fácil de buscar.

Luterano, Luterana significado, fácil de buscar. Os termos “luterano significado”” Reforma Luterana”, para entender temos que olhar para o passado, no século XVI, devido a divisão na Alemanha entre Católicos e Protestantes, claro que o fator da divisão foi doutrinário, como podemos observar na Dieta de Worms . Termos como Luteranismo, As confissões Luteranas, Livro de Concórdia de1580 , Igreja Evangélica Luterana do Brasil, Igreja Evangélica de Confissão Luterana no Brasil, são retiradas desta divisão doutrinária. A religião luterana no Brasil está a mais de 100 anos, dívida entre duas igrejas herdeiras dessa reforma, há Igreja Evangélica Luterana do Brasil (IELB), http://www.ielb.org.br/home/ , e a Igreja Evangélica de Confissão Luterana no Brasil (IECLB), http://www.luteranos.com.br/ . Marca do Luteranismo é a educação, mesmo aqui no Brasil, basta fazer uma busca com os termos “ luterano ferraz ”, “ luterano analia franco ”, “ ULBRA ”, “ Colégio Concórdia ”, “ instit

Método teológico Luterano de preservar a interpretação da Bíblia

Método teológico Luterano de preservar a interpretação da Bíblia              Na apresentação do material dogmático, os teólogos luteranos empregam, em geral, dois métodos: o sintético e o analítico. O método sintético vai da causa ao efeito, enquanto o analítico segue o caminho oposto, do efeito à causa. Disposto sinteticamente, o agrupamento dogmático apresenta, primeiro, Deus como causa e princípio de todas as coisas criadas; a seguir, os meios pelos quais a humanidade pecadora e apóstata é reconduzida à comunhão com Deus e, por último, a gloriosa salvação obtida pelo crente. Analiticamente, o material dogmático seria agrupado da seguinte maneira: a salvação, como objetivo final do ser humano; depois, os meios pelos quais se obtém a salvação e, por último, Deus como doador e autor da salvação.                O método analítico tem merecido a preferência dos teólogos mais atuais da Igreja Luterana pela razão de que, sendo matéria prática, a Teologia deve, em primeiro lug

Socorro Divino no pensamento Luterano

Socorro Divino no pensamento Luterano Socorro Divino no pensamento Luterano             “- Se precisarem de mim, é só chamar!” Como faz bem ouvir estas palavras quando estamos passando por momentos difíceis. Entretanto, estamos conscientes de que a ajuda oferecida por pessoas amadas, por mais poderosas que sejam, sempre será uma ajuda limitada. Comprovadamente há situações em que nenhum ser humano pode fazer coisa alguma por nós.             Quando a ajuda humana falhar, não precisamos desesperar; pois, o Pai Celestial está do nosso lado e afirma: “Se me chamarem no dia da aflição, eu os livrarei e vocês me louvarão!” (Sl 50.15). Esta promessa é feita pelo Senhor Deus todo-poderoso, criador dos céus e da terra. Ele promete e tem todas as condições de cumprir com a promessa feita. Quando Adão e Eva caíram em pecado trazendo a desgraça sobre a raça humana, ele prometeu enviar o Salvador e, por meio da obra de Jesus Cristo, cumpriu esta sua promessa. O apóstolo João assim re

Ser Luterano no século XXI

Ser  Luterano no século XXI Ser  Luterano no século XXI Tenho uma realidade diferente, estou servindo ao meu Senhor num grande centro. Aqui parece que ser luterano é fazer parte de uma igreja qualquer, essa que encontramos nas esquinas. Não que o Espírito Santo não haja nelas, mas estão longe de uma palavra que conforta sem nenhuma exigência. Talvez por isso, acha pouca motivação por parte dos luteranos. Mas meu coração espera que possamos acorda, ainda há tempo, ainda é tempo da graça. Deus nos ama em Jesus Cristo seu filho e o Espírito Santos, que é Deus nos chama e congrega para a vida eterna.